O pão da vida a comunhão



O pão da vida a comunhão

J. Weber

O pão da vida, a comunhão, nos une a Cristo e aos irmãos.
E nos ensina a abrir as mãos, para partir, repartir o pão.

1. Lá no deserto, a multidão, / com fome segue o Bom Pastor. / Com sede busca a nova palavra: / Jesus tem pena e reparte o pão.

2. Na Páscoa nova da nova lei, / Jesus amou-nos até ao fim. / Partiu o pão, disse: “Isto é meu corpo, / por vós entregue: tomai, e comei!

3. Se neste pão, nesta comunhão, / Jesus, por nós, dá a própria a vida, / vamos também repartir os dons, / doar a vida por nosso irmão.

4. Onde houver fome, reparte o pão, / e tuas trevas hão-de ser luz: / Encontrarás Cristo no irmão, / serás bendito do eterno Pai.

5. Não é feliz quem não sabe dar. / Quem não aprende a lição do altar, / de abrir a mão e o coração, / para doar-se no próprio dar.

6. Abri, Senhor, estas minhas mãos, / que, para tudo guardar, se fecham! / Abri minh’ alma, meu coração / para doar-me no eterno dom!