Felizes os puros de coração



Felizes os puros de coração

A. Cartageno

Felizes os puros de coração, porque verão a Deus.

1. Quem habitará, Senhor, no vosso santuário,
quem descansará na vossa montanha sagrada?

2. O que vive sem mancha e pratica a justiça
e diz a verdade que tem no seu coração;

3. o que não usa a língua para levantar calúnias,
e não faz o mal ao seu próximo /
nem ultraja o seu semelhante;

4. o que tem por desprezível o ímpio,
mas estima os que temem o Senhor;

5. o que não falta ao juramento, mesmo em seu prejuízo,
e não empresta dinheiro com usura, /
nem aceita presentes para condenar o inocente.

6. Quem assim proceder
jamais será abalado.

Sem áudio disponível