A minha boca proclamará



A minha boca proclamará

M. Luís

A minha boca proclamará a vossa salvação,
a vossa salvação.

1. Em Vós, Senhor, me refugio,
jamais serei confundido.
Pela vossa justiça, defendei-me e salvai-me,
prestai ouvidos e libertai-me.

2. Sede para mim um refúgio seguro,
a fortaleza da minha salvação.
Vós sois a minha defesa e o meu refúgio.
Meu Deus, salvai-me do pecador.

3. Sois Vós, Senhor, a minha esperança,
a minha confiança desde a juventude.
Desde o nascimento Vós me sustentais,
desde o seio materno sois o meu protector:

4. A minha boca proclamará a vossa justiça,
dia após dia a vossa infinita salvação.
Desde a juventude, ó Deus, Vós me ensinastes
e até hoje anunciei sempre os vossos prodígios.

Sem áudio disponível